“Contato Imediato – Anna Ratto visita Arnaldo Antunes” chega às plataformas de streaming

Álbum reúne canções de Arnaldo Antunes e conta com a participação do compositor paulistano na faixa “Ela é tarja preta”

 

Para ouvir o álbum – https://orcd.co/contatoimediato

 

Para assistir ao vídeo A Casa é Sua – https://youtu.be/pZ62mCodtbw (a partir das 11h)

 

Nesta sexta-feira, dia 29 de outubro, chega às plataformas de streaming “Contato Imediato – Anna Ratto visita Arnaldo Antunes” (Biscoito Fino),  primeiro álbum em que a cantora e compositora figura exclusivamente como intérprete.

 

Com quatro discos lançados, sempre mesclando canções suas às de artistas que lhe são referência, agora Anna Ratto dá voz a apenas um compositor. “Eu já tinha o desejo de fazer um disco puramente de intérprete, prestando homenagem a um artista que me fosse representativo. Alguns nomes me ocorreram, porque são muitas as referências, mas neste momento da minha vida, nenhum outro me falou mais alto do que Arnaldo Antunes. Meu mergulho mais profundo na sua obra – que é bem mais extensa e diversa daquilo que eu conhecia, até então – aconteceu mais recentemente, de uns cinco anos pra cá. E fui tomada de paixão! Resolvi compensar todos os discos em que não gravei Arnaldo pra fazer justiça a mim mesma”, brinca Anna. Arnaldo Antunes compôs, sozinho ou com parceiros, as 10 faixas que agora ganham o formato de álbum digital, depois dos singles “Ligado a você” e “Ela é tarja preta”. Quando Anna Ratto estava pronta para entrar em estúdio, a pandemia e a necessidade de isolamento social interromperam o processo, retomado no início de 2020, com todos os protocolos de segurança.  “A esta altura, eu já tinha uma lista generosa de músicas e vinha experimentando com o violão, tirando os tons, etc. Cheguei com boa parte do “dever de casa”, que chamamos de pré-produção, feito.”

 

“Contato Imediato – Anna Ratto visita Arnaldo Antunes” ganhou forma com a chegada do produtor, músico e compositor Liminha. “Tenho grande afinidade com Arnaldo desde os discos que produzi com os Titãs. Nos tornamos parceiros, esse encontro frutificou e fizemos várias músicas. Produzi um CD e um DVD dele. Trabalhar com Arnaldo ou com suas músicas é sempre uma tranquilidade e uma certeza de que vem coisa boa”, reforça Liminha, que produziu o álbum e tocou vários instrumentos em seu estúdio, o lendário Nas Nuvens (RJ), por onde passaram medalhões do pop rock nacional. Para Liminha, Anna Ratto teve um papel fundamental na escolha do repertório: “Sua habilidade como cantora e instrumentista ajudou muito, e seu bom gosto e sensibilidade também. Foi muito prazeroso e divertido poder experimentar, ousar nos arranjos, na estética, nos timbres, enfim, foi pura arte e me orgulho muito do que fizemos”.

 

 

Da sintonia perfeita entre artista e produtor surgiu a seleção final, que traz canções como “A Casa É Sua”, “Desistiu de Mim”, “Num Dia” e “A Lhe Esperar”, entre outras. “Apesar da imensidão da obra do Arnaldo, eu e Liminha optamos por um disco enxuto, com apenas 10 faixas muito bem entrelaçadas entre si. Quisemos deixar um gosto de quero mais e, quem sabe, a porta aberta para um próximo volume. É um disco solar, colorido, divertido e amoroso”, pontua a artista carioca.

 

“A cereja do bolo”, como define Anna Ratto, foi a participação de Arnaldo Antunes na gravação de “Ela é tarja preta” e no clipe da canção. “Quando gravei, parecia ouvir a voz dele junto à minha. Imaginava o Arnaldo dançando daquele jeito todo dele. Tive a certeza de que a sua chegada teria que ser arrebatadora!” Como parceiro e amigo, Liminha enviou a faixa e o convite: em questão de minutos veio a resposta positiva de Antunes. “Foi uma emoção linda! Liminha foi enviando as faixas, na medida em que ficavam prontas, e os retornos eram sempre muito empolgados e elogiosos. Ter Arnaldo no disco é aval pra toda uma carreira. Sensação de dever cumprido. Estamos muito felizes!”, celebra.

 

Apesar de nada minimalista no que diz respeito aos arranjos, além de produzir, Liminha tocou praticamente todos os instrumentos na gravação do álbum.  Já Anna Ratto, além dos vocais gravou violão, guitarra e xequerê, por estímulo do produtor. Liminha também trouxe o auxílio luxuoso de Thiago Gomes e Helio Ferinha nos teclados, além das participações super especiais de João Barone na bateria e Milton Guedes na gaita, na faixa “A Lhe Esperar”.

 

O projeto prevê o lançamento de vários videoclipes: depois dos singles, agora é a vez de “A Casa é Sua” ganhar vídeo inédito criado por Pedro Colombo. E vem mais por aí!

 

Repertório

 

1 – A Casa é Sua (Arnaldo Antunes)

2 -Ligado a Você (Arnaldo Antunes / Liminha / Paulo Miklos)

3 -Desistiu de Mim (Arnaldo Antunes / Cezar Mendes / Carminho / Marisa Monte)

4 -Num Dia (Arnaldo Antunes / Chico Salem / Peleco / Manuela Azevedo)

5 -Ela é Tarja Preta (Arnaldo Antunes / Felipe Cordeiro / Lue / Manoel Cordeiro / Betão Aguiar)

6 -2 Perdidos (Arnaldo Antunes / Dadi)

7 -O Seu Olhar (Arnaldo Antunes / Paulo Tatit)

8 -Contato Imediato (Arnaldo Antunes / Carlinhos Brown / Marisa Monte)

9 -A Lhe Esperar (Arnaldo Antunes / Liminha)

10 -Kaira (Arnaldo Antunes / Toumani Diabaté)

 

 

 

 

 

 

 

 

Com informações: CORINGA Comunicação