Glaw Nader traz perspectiva negra em EP que reúne obras de Baden Powell

O EP “Canto de Xangô” é o primeiro lançamento musical da carreira da cantora

 

 A cantora e compositora Glaw Nader faz da sua arte um caminho para ressignificar a música afrobrasileira e trazer de volta o protagonismo para artistas negros relegados ao segundo plano. Em seu lançamento musical de estreia, o EP “Canto de Xangô”, Glaw apresenta quatro canções de Baden Powell, instrumentista e compositor negro imortalizado até então, principalmente, por vozes brancas. O lançamento antecipa o álbum “Tempo de Amor” e chega com um clipe para a faixa-título.

 

Assista a “Canto de Xangô”: https://youtu.be/ro–6XgKTQc 

 

Ouça “Canto de Xangô”: https://tratore.ffm.to/cantodexango 

 

O EP dá destaque às canções presentes no icônico disco “Os Afro-Sambas de Baden e Vinicius” (1966), que consagrou essa parceria marcante na música brasileira. Além de “Canto de Xangô”, o compacto de Glaw Nader reúne “Tristeza e Solidão”, “Tempo de Amor” e “Canto de Ossanha”. Não por acaso, o trabalho seminal nos anos sessenta se destacou por incorporar elementos da música afro à MPB.

 

“A inspiração musical e estética desse lançamento está intimamente ligada ao trabalho da minha carreira, que é o de reverenciar a música afrobrasileira, bem como os compositores negros e através da minha voz, reivindicar o lugar de protagonismo. A escolha pela obra de Baden Powell vem exatamente desse desejo de dar uma voz negra para suas composições, que foram consagradas em vozes brancas, como a de Elis Regina”, resume Glaw.

 

“‘Os Afro-sambas’ foi aclamado pela crítica da época, considerado o disco que enegreceu a música popular brasileira. Curiosamente, o elemento negro do disco é Baden Powell e tudo o que ele traz em seu violão. Outra coisa importante na minha escolha em começar os lançamentos do meu tributo a Baden Powell com esse EP, tem a ver não só com o que o disco representa para a música popular brasileira e para a própria carreira de Baden, mas traz também o meu desejo de abrir caminhos”, completa a artista paulistana, atualmente radicada em Belo Horizonte.

 

A realização do projeto celebra, com novas cores, um repertório tão intimamente conhecido pela cantora, desde que estudava os afro-sambas para o Duo  Alma e Raiz, formado ao lado do violonista Wagner Raposo a partir de 2016. Agora, em 2022, Glaw mergulha ainda mais profundo na obra de um dos instrumentistas e compositores mais importantes da música brasileira, mas faz isso sob a perspectiva de uma intérprete que valoriza a história do autor e a sua própria, sua pele e sua voz. O EP “Canto de Xangô” será seguido de um segundo EP, em setembro. O disco está previsto para outubro.

 

“Tempo de amor” será o debut de Glaw Nader, com um repertório que coloca a negritude em primeiro plano – não só a de Baden Powell, como a da própria cantora. Nos arranjos, surge a presença marcante de  instrumentos de percussão e um violão modal que remete ao estilo tão característico do próprio homenageado. Além das quatro faixas já reveladas no EP “Canto de Xangô”, o disco trará outras 10 canções, tudo interpretado pelo vocal potente de Nader e  pela banda  formada por metais, percussão, violão, baixo, bateria e teclado. Os arranjos são do guitarrista Samy  Erick e incluem clássicos como “Cai dentro”, “Lapinha”, “Labareda” e “Deixa”.

 

Ficha técnica

 

Voz: Glaw Nader

Arranjos e violão: Samy Erick

Violão: Samy Erick

Baixo: Ivan Corrêa

Bateria: Gladston Vieira

Teclado: Samuel Ekel

Percussão: Daniel Guedes

Sax tenor: Breno Mendonça

Trompete: Ulisses Luciano

Trombone: João Machala

Sax soprano em “Canto de Ossanha”: Cléber Alves

Flautas em “Tristeza e Solidão”: Mauro Rodrigues

Gravação, mix e master: Rafael Dutra (Estúdio Motor)

Selo: Grão discos

Foto: Lucca Mezzacappa

 

Acompanhe Glaw Nader:

 

https://www.instagram.com/glawnader/

https://open.spotify.com/artist/53NT1CzhU5Ea7TcvWtqlo9

https://www.youtube.com/channel/UC2Bhd330DH5NYYEEZXodNwg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com informações: BUILD UP MEDIA

#SIGA NO INSTAGRAM
Hoje (07/09), é aniversário do cantor, compositor, ator e vocalista da banda Cidade Negra, Toni Garrido @tonigarridooficial que completa 56 anos.

#tonigarrido #cidadenegra #boomerangmusic #happybirthday
Hoje (07/09), é aniversário da cantora, compositora guitarrista Chrissie Hynde @chrissiehyndemusic que completa 72 anos.

Vocalista da banda The Pretenders @thepretendershq 

#thepretenders #chrissiehynde #boomerangmusic #happybirthday
SORTEIO!
>>> GANHE 3 PARES DE INGRESSOS - PDDM POR DENTRO DA MÚSICA ESTREIA COM SHOW DO COMPOSITOR E TECLADISTA HENRIQUE PORTUGAL @ahportugal
E SOLAR BIG BAND.

PARA OS DIAS 15, 16 e 17 DE SETEMBRO, NO TEATRO UNIMED, EM SÃO PAULO.

1 PAR DE INGRESSOS POR NOITE

Para participar:

1. Siga @boomerangmusicoficial  e @teatrounimed

2. Marque nos comentários quem você quer levar para o show

3. Deixar o perfil aberto

O resultado sairá na quinta-feira (14/09). Boa sorte!

Obs.: Despesas com trajeto, hospedagem e alimentação são de responsabilidade dos ganhadores.

Serão quatro ganhadores, cada um com um par.

#teatrounimed #boomerangmusic #promoção #sorteio
Hoje (06/09), é aniversário do cantor, compositor e baixista Roger Waters @rogerwaters que completa 80 anos.

Um dos fundadores da banda Pink Floyd @pinkfloyd 

#rogerwaters #boomerangmusic #happybirthday #pinkfloyd
Hoje (06/09), é aniversário do guitarrista e compositor Paul Waaktaar-Savoy @waaktaarpal da banda A-Ha @officialaha que completa 62 anos.

#aha #boomerangmusic #happybirthday #paulwaaktaarsavoy
Hoje (05/09), é aniversário do saudoso cantor e compositor Freddie Mercury @freddiemercury que completaria 77 anos.

Um dos maiores artistas do mundo da música e vocalista da banda Queen. 

#freddiemercury #happybirthday #boomerangmusic