Liège convida a “trocar de pele” na estreia da turnê ECDISE em São Paulo

Show e lançamento do vinil acontecem na Galeria Olido, no dia 1 de julho

 

Na próxima sexta, 1 de julho, às 19h, a multiartista amazônida Liège convida para a estreia da turnê do álbum ECDISE e lançamento do vinil com um espetáculo / experiência em São Paulo, na Galeria Olido. O espetáculo contará com as participações dos artistas 2de1 e Thiago Jamelão. Lançado em 2021 pela Natura Musical, ECDISE foi reconhecido pela APCA e pela imprensa musical como um dos melhores do ano.

 

Através da circulação de ECDISE e como artista brasileira nascida na Amazônia, residente há 3 anos em São Paulo Capital, Liège propõe adentrar o país para conectar seu trabalho aos demais Estados, revelando uma Amazônia atual, potente e totalmente integrada à cena musical e cultural do resto do Brasil e do mundo.

 

Com o projeto, Liège convida a audiência a ouvir sobre os povos originários a partir de uma nova perspectiva. Uma história de resistência, mas também de existência, que tem como bússola a ancestralidade, mas o futurismo como exercício de sobrevivência.

 

Em um momento de extermínio das populações pretas e indígenas, é o momento para se fortalecer uma nova narrativa. A narrativa é contada por um povo que entende e se empodera com a sua própria História.

 

ECDISE é o reflexo de seu sotaque, sua aparência física miscigenada, e também de uma pesquisa de afrobeats, estudos de tambores afro e indígenas. É pop, é pra dançar e pensar. Um álbum que retrata a Amazônia indígena contemporânea, de conexão com a natureza e a origem do Brasil, mas também de um polo cultural, tecnológico e de inovação único.

 

Com isso, o espetáculo, lançado em 2022, apresenta ao público a experiência de ECDISE – troca de pele para crescer. As canções do disco, costuradas com convidades especiais, a cenografia e o figurino de Liège, tornam o show uma experiência mais que musical, mas de reflexão e auto-reconhecimento. O público interagirá com objetos de arte desde a entrada até a saída do espetáculo, com um roteiro criado por Liège, relacionando o conceito ECDISE – troca da pele/exoesqueleto para o crescimento do ser vivo – do ciclo de vida das serpentes (animal escolhido por Liège para representar esse processo) com o ciclo de vida humano.

 

Estreia em São Paulo 

 

“Ecdise” é o nome científico dado ao processo de troca da pele ou exoesqueleto, para crescimento de alguns animais. Esse período de mudança profunda, por vezes é demorado, doloroso, mas necessário e recorrente.

 

Mas, o que vem depois da troca de pele? 

 

Com um espetáculo multisensorial, Liège convida o público a passar pelo autoconhecimento que vivenciou em seu processo de composição. De “Deixar Ir” (ouça) o que não cabe mais, passando pela auto-aceitação do “Tão bem” (ouça) e chegando a catarse da transformação e criação de um “Legado” (ouça). Foi no processo de produção que Liège reafirmou suas influências e mergulhou em sua musicalidade e ancestralidade.

 

O show é a parte visual do disco e a criação dele foi pensada em proporcionar ao público a sensação de trocar de pele e todo seu processo a cada música do espetáculo”, explica a artista.

 

ECDISE conta com direção artística de Liège, direção musical da percussionista Dominique Vieira – percussionista e co-produtora musical da Linn da Quebrada – e complementam a banda a DJ Vivian Marques e o guitarrista Vini. O álbum tem produção musical do experiente DJ Duh, responsável por sucessos de artistas como Emicida, Arnaldo Antunes e Tulipa Ruiz.

 

@naturamusical

 

#PorUmMundoMaisBonito

 

#NosEncontramosNaMusica

 

Vinil ECDISE 

 

Um ano após o lançamento do álbum digital, a artista anuncia a distribuição limitada do vinil ECDISE (via Edital Natura Musical), prensado pela vanguardista Polysom, e o LP estará disponível para venda no show e após, na loja da artista em seu site e instagram. A identidade visual da capa foi uma co-criação com a artista plástica indígena, conterrânea de Liège, Moara Brasil, que desenvolve um trabalho de valorização de mulheres indígenas e sua cultura, Vitória Leona (fotógrafa paraense que segue uma linha direcionada à moda e à representatividade de pessoas racializadas) e Maiwsi Ayana (multiartista que assumiu a direção de arte e figurino). A beleza é assinada por Ian Ribeiro.

 

“Ecdise” foi selecionado pela Natura Musical, por meio da lei estadual de incentivo à cultura do Pará (Semear), ao lado de Lucas Estrela, Chico Malta e Thais Badú, por exemplo. No Estado, a plataforma já ofereceu recursos para 59 projetos até 2019, como Manoel Cordeiro, Dona Onete, Pinduca, Felipe Cordeiro e Luê.

 

Sobre Liège 

 

A cantautora paraense Liège é uma das novas vozes da MPB contemporânea e do refrescante pop amazônico. Com uma sonoridade marcada pela MPB, batidas eletrônicas e ritmos afro amazônicos, a música de Liège é dançante e envolvente. Suas composições são plurais, como a própria vida, variando de temas como a leveza do amor, a liberdade pessoal, entre outros.

 

A artista, que já se apresentou nos Estados Unidos e em importantes palcos da cena autoral brasileira – Festival Se Rasgum (PA), Rio2C (RJ) e Circuito SESC de Cultura (SP) – se prepara para a retomada e presença nos palcos das capitais brasileiras.

 

Sobre Natura Musical 

 

Natura Musical é a principal plataforma de patrocínio da marca Natura. Desde seu lançamento, em 2005, o programa investiu cerca de R$ 143 milhões no patrocínio de 460 projetos – entre CDs, DVDs, shows, livros, acervos digitais, documentários e projetos de fomento à cena. Os trabalhos artísticos renovam o repertório musical do País e são reconhecidos em listas e premiações nacionais e internacionais. Em 2020, o edital do programa selecionou 41 projetos em todo o Brasil. A plataforma digital do programa leva conteúdo inédito sobre música e comportamento para mais de meio milhão de seguidores nas redes sociais.

 

Em São Paulo, a Casa Natura Musical se tornou uma vitrine permanente da música brasileira, com cerca de 120 shows ao longo de 2019.

 

@naturamusical

 

#PorUmMundoMaisBonito

 

#NosEncontramosNaMusica

 

SERVIÇO 

 

Liège – ECDISE 

Quando: sexta, 1 de julho, às 19H

Onde: Galeria Olido

Av. São João, 473 – Centro Histórico de São Paulo, São Paulo GRATUITO

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com informações: Assessoria de Imprensa | Liège