Marília Mendonça abre série de lançamentos de 2021 com o single “Foi Por Conveniência”

Escrita pela própria cantora, faixa foi gravada durante sua última live 

 

Depois de encerrar o ano de 2020 acumulando novos recordes, premiações, milhões de streams e visualizações, a cantora Marília Mendonça lança nessa sexta-feira (15), um novo single. A faixa “Foi Por Conveniência” foi gravada durante a última live que a cantora fez e abre a série de lançamentos de 2021. A faixa já está disponível em todas as plataformas de áudio e o vídeo, no canal oficial da cantora no YouTube.

 

“Foi Por Conveniência” é uma das músicas inéditas que Marília apresentou ao público durante a última live, em outubro passado, onde relembrou o início de sua carreira. Época em que escreveu diversas composições e que agora, começa a lançar nesse novo projeto só de inéditas.

 

O ano de 2021 com certeza será de muito trabalho para Marília. A cantora, assim como todo o mercado do entretenimento, pretende retomar os seus projetos assim que o cenário da pandemia apresentar sinais de melhora. O projeto “Todos os Cantos”, onde a cantora passa pelas principais capitais do país fazendo um show aberto ao público, é uma das prioridades.

 

Outro plano que Marília já anunciou com entusiasmo é a volta do projeto Patroas, em parceria com a dupla Maiara e Maraisa. As cantoras lançaram um álbum, gravado durante a live Patroas, e foi o maior sucesso. “Quero Você Do Jeito Que Quiser”, uma das faixas do álbum, está entre as 30 músicas mais tocadas no Spotify Brasil há seis meses.

 

Confira o vídeo da faixa “Foi por Conveniência”:  https://www.youtube.com/watch?v=Dt13Wv6Opeo 

 

Foi Por Conveniência –  (Marília Mendonça)

 

Bonito não é nem chega aos pés

Do conto de fadas que a moça sonhou

 

Não foi por querer foi por convencer

De tanto forçar ele se acostumou

Não soltou

 

Água mole na pedra bateu

De tão dura a pedra cedeu

Ela achou que era amor

Ele achou confortável ficou

 

Não foi por amor

Foi naquele domingo, de cama vazia

Saudade dos filhos, da mensagem de bom dia

Medo de morrer sozinho, pressão da família

Foi tudo menos isso que chamam de amor

 

Não teve pedido, nem data marcada

Nem quer casar comigo, nem beijo na escada

Em nome da solidão e da carência

 

Não foi por amor, foi por conveniência.

 

 

 

Com informações: Textos + Ideias Assessoria de Imprensa