Ricardo Bacelar lança álbum com registro de show no Blue Note

Trabalhos mais recentes do músico vêm conquistando a imprensa nos Estados Unidos, Japão e alguns países da Europa

 

 

O pianista, compositor e arranjador brasileiro Ricardo Bacelar lança nesta sexta (24) o seu quarto álbum solo, intitulado “Ricardo Bacelar – Ao Vivo no Rio”, com repertório de música brasileira e jazz. O álbum foi gravado em maio de 2018, no Rio de Janeiro, em um concerto no Blue Note Rio, durante a tour de seu mais recente trabalho, “Sebastiana”.

 

Também no dia 24 de julho, Ricardo Bacelar inicia a estreia de uma série de sete vídeos que serão apresentados semanalmente, todas as quintas-feiras, em seu canal oficial no YouTube. O primeiro vídeo a ser apresentado é o de “Toda menina baiana” (confira abaixo as datas dos lançamentos).

 

Ricardo toca piano e teclados, canta e vem acompanhado de um time de grandes músicos brasileiros: João Castilho (guitarra), Danilo Sina (sax e flauta), Renato Endrigo (bateria), Alexandre Katatau (contrabaixo) e André Siqueira (percussão).

 

O repertório é um recorte de seus discos anteriores, em versão ao vivo. Traz uma composição de Ricardo Bacelar e Cesar Lemos, “Sernambetiba 1992”, e grandes autores: Tom Jobim, Vinícius de Moraes, Heitor Villa-Lobos, Pat Metheny, Chick Corea, Horace Silver, Gilberto Gil, Moacir Santos, Flora Purim, Benny Golson e outros. Faz releituras de “Toda menina baiana” e “Partido alto”. A atmosfera do disco captura a ambiência sonora do clube de jazz e a energia da performance ao vivo.

 

Valorizar os signos da música brasileira com acento jazzístico tem sido tendência nos trabalhos de Ricardo Bacelar, que tem levado para o mercado internacional a sonoridade do Brasil, misturada à improvisação do jazz e à música instrumental. Seu álbum anterior, “Sebastiana”, esteve entre os 50 discos mais executados nas rádios de jazz norte-americanas, em um período de 2018, segundo o ranking do Jazz Chart.

 

Para Ricardo, que assina a produção do álbum, o momento de isolamento vem acompanhado de múltiplas experiências. “A música é veículo fundamental de percepção, conexão e construção de perspectivas que trazem significados aos acontecimentos, nos planos pessoal, espiritual e emocional. Sem a arte e a abstração, a vida não faz sentido”, afirma.

 

Ricardo Bacelar – Ao Vivo no Rio” é seu quarto álbum solo. O primeiro disco, “in natura” (https://open.spotify.com/album/3TkJDrUUXsufcG2Q2uMLQ8?si=2eC8y3ubTJKLgUaANm4y8A), é autoral com ênfase no piano acústico e com participações de Frejat e Belchior, este último parceiro de Ricardo Bacelar em “Vício Elegante”, lançado em um single em 2018. O segundo álbum é “Concerto para Moviola” (http://www.ricardobacelar.com.br/concerto-para-moviola-portugues), também gravado ao vivo em um festival de jazz. O terceiro disco, “Sebastiana” (http://www.ricardobacelar.com.br/sebastiana), foi gravado e mixado nos Estados Unidos, no lendário estúdio Criteria – Hit Factory com músicos latino-americanos. O álbum ficou entre os 50 discos mais executados nas rádios de jazz dos Estados Unidos.

 

Ricardo Bacelar foi integrante do grupo brasileiro Hanoi Hanoi, com amplo sucesso comercial e seus discos solo foram distribuídos nos Estados Unidos, Europa, América Latina e Japão, com expressivas performances de execução de rádio e imprensa.

 

Acompanhe aqui as principais publicações internacionais:

 

Jazz Corner

http://www.jazzcorner.com/news/display.php?news=9415

 

Top  40 Charts

https://top40-charts.com/mnews.php?nid=157557&cat=

 

Keys And Chords

http://www.keysandchords.com/news-blog/brazilian-jazz-pianist-ricardo-bacelar-makes-a-live-statement-with-nothing-will-be-as-it-was

 

Jazziz

https://www.jazziz.com/new-releases/ricardo-bacelar-ao-vivo-no-rio/

 

Smooth Jazz

http://www.smooth-jazz.de/firstview/Bacelar/LiveInRio.htm

 

Jazz Chill

https://jazzchill.blogspot.com/2020/07/brazilian-jazz-pianist-ricardo-bacelar.html?m=1

 

Cronograma vídeos Ricardo Bacelar – “Ricardo Bacelar – Ao Vivo no Rio”:

 

24/07/2020 – “Toda menina baiana”

30/07/2020 – “Killer Joe”

06/08/2020 – “Nanã”

13/08/2020 – “Señor Blues”

20/08/2020 – “Partido alto”

27/08/2020 – “Blue Miles”:

03/09/2020 – “Água de beber”

 

Repertório – “Ricardo Bacelar – Ao Vivo no Rio”:

 

1 – Killer Joe (Benny Golson)

2 – Toda Menina Baiana (Gilberto Gil)

3 –  Senõr Blues (Horace Silver)

4 – Partido Alto (Flora Purim, Alex Malheiros e José Roberto Bertrami)

5 – Nanã (Moacir Santos e Mário Telles)

6 – So May it Secretly Begin (Pat Metheny)

7 – Água de Beber (Tom Jobim e Vinícius de Moraes)

8 – Sernambetiba, 1992 (Ricardo Bacelar e Cesar Lemos)

9 – Blue Miles (Chick Corea)

 

Ficha Técnica:

 

Gravado ao vivo no Blue Note Rio, em maio de 2018.

Ricardo Bacelar – piano, teclados e voz

João Castilho – guitarra

Danilo Sina – sax e flauta

Renato Endrigo – bateria

Alexandre Katatau – contrabaixo

André Siqueira – percussão

Mixado por Luiz Orsano (Trilha Sonora Estúdio)

Masterizado por Ricardo Garcia (Magic Master)

Capa – MZK

Fotos – Vinícius Giffoni

Produzido por Ricardo Bacelar

 

Imprensa Brasil – Ciranda Comunicação

Imprensa Estados Unidos – Rick Scott

Rádio Estados Unidos – Neal Sapper

 

foto capa – autoria de MZK, com foto de Vinícius Giffoni.

 

Mais InformaçõesCiranda Assessoria de Comunicação