“Tuca Mei faz temporada em Ipanema”

A artista se apresenta na Casa de Cultura Laura Alvim nas quintas de novembro

 

A carioca Tuca Mei faz temporada no Espaço Rogério Cardoso, na Casa de Cultura Laura Alvim, nos dias 07, 14, 21 e 28 de novembro com direito a algumas participações especiais: no dia 14 ela recebe o Duo Amelie, já no dia 21 o convidado é Gabriel Perello. Encerrando o ciclo, no dia 28, o carioca Victor Mus visita Tuca.

 

Tuca é um retrato fiel da nova geração da música: canta, compõe, produz e é multi-instrumentista. As apresentações terão tom intimista, reunindo esses talentos da artista, propondo ao espectador uma conexão espontânea pela musicalidade. O repertório terá, principalmente, composições de Tuca, como músicas do seu EP ‘Olhos atentos’ (2018) e os singles ‘Oi (coraçãozinho)’ e ‘Quer me amar’, lançados em 2019. Ela também fará versões de sucessos como ‘Oh! darling’ dos Beatles e ‘Pra você dar o nome’ do 5 a seco, além de apresentar músicas inéditas do segundo EP, que está sendo gravado, com previsão de lançamento ainda este ano. No show, a artista canta e toca violão e teclado sendo acompanhada pela guitarrista Maria Elisa Pinheiro e por Miguel de Sender na percussão.

 

A Casa de Cultura Laura Alvim é um espaço da Secretaria de Estado e Economia Criativa/FUNARJ.

 

Sobre Tuca Mei

 

Desde pequena, Tuca sempre ouviu de tudo: música nordestina, mineira, carioca… Ou seja, de cada canto do Brasil. “As pessoas que estavam à minha volta curtiam coisas diferentes, minha avó cantava coisas folclóricas para me ninar. Na minha casa rolava de reggae à ópera, de musicais ao jazz. Meu ouvido acabou treinado para gostar de tipos diferentes de música”, relembra. “É complicado citar nomes, pois admiro muita gente, mas Marisa Monte, Lady Gaga e Lana Del Rey são inspiradoras e exemplos na condução da carreira”.

 

Quando começou a estudar piano, gêneros como jazz e bossa nova ajudaram a moldar sua persona artística. Mas a audição continuou atenta. “Fui lapidando uma linguagem própria, mas meu som é muito eclético em termos de ritmos”.

 

Parafraseando o clássico sertanejo – “o sertão também está presente na minha formação” -, nessa nova estrada da vida que se inicia, Tuca pretende estar atenta para não perder sua essência. “A era digital torna tudo mais acessível, aproximando muito o artista do público. Espero que as coisas que eu sinto e que coloco no meu som caibam para quem as ouve também. Sou uma pessoa que transforma as situações negativas em algo positivo, os desafios em conquistas… Como uma alquimia”, conclui.

 

 

SERVIÇO

Dias: 07, 14, 21 e 28 de novembro, quintas

Local: Casa de Cultura Laura Alvim – Espaço Rogério Cardoso

Endereço: Av. Vieira Souto , 176 – Ipanema, Rio de Janeiro – RJ, 22420-004

Abertura da casa:

Horário: 20:00

Entrada R$ 20,00 Inteira – R$ 10,00 M

 

Assessoria de Imprensa – Ana Paula Romeiro

#SIGA NO INSTAGRAM