ARLO PARKS lança clipe oficial de “TOO GOOD”

ASSISTA AO CLIPE OFICIAL DE TOO GOOD

 

SINGLE DO ÁLBUM DE ESTREIA TOP 3 NO REINO UNIDO ‘COLLAPSED IN SUNBEAMS

 

“Uma estreia de percepção e caráter. Não é surpresa que ela seja considerada uma das vozes de sua geração” – The Times

“Música que captura a miséria dos dias modernos de uma forma que parece improvavelmente encorajadora” – The New York Times

“Sons suaves e contos universais” – NME

“Um talento colossal” – Vogue

“Arlo Parks é tãooo maneira. Eu amo Arlo”  – Billie Eilish

“Ela é uma poeta incrível”  – Phoebe Bridgers

 

A artista vencedora do BRIT Award, Arlo Parks, lançou o vídeo oficial de ‘Too Good’, o último single de seu álbum de estreia aclamado pela crítica, Collapsed In Sunbeams. A canção, escrita por Parks com produção de Paul Epworth (Adele, Florence Welch, Jorja Smith), é um exemplo brilhante de sua poesia premiada e entrega afetuosa, trazida lindamente à vida no clipe visual dirigido pela dupla Bedroom (Beabadoobee, The 1975).

 

ASSISTA AO CLIPE ARLO PARKS – TOO GOOD

 

Sobre a faixa, Parks compartilha: “Eu fiz essa com Paul em um de nossos primeiros dias de sessões. Eu mostrei a ele todas as músicas pelas quais eu era obcecada na época, do rock psicodélico zambiano dos anos 70 ao MF DOOM e o hip-hop que adoro via Tame Impala, e o grande pop dos anos 90 do TLC. A partir daí, foi um turbilhão. Paul começou a tocar essa batida de bateria, e então eu fiquei correndo por um tempão cantando em microfones e saindo para fazer coisas na guitarra. Eu amo alguns dos pequenos detalhes, como a pancada no pulso de alguém e começar a citar Thom Yorke. É realmente eu.”

 

Collapsed In Sunbeams, lançado no início deste ano pela Transgressive Records, alcançou o top 3 das paradas de álbuns do Reino Unido e foi um dos álbuns mais comentados de 2021. Também foi indicado para Álbum do Ano no BRITS, com a própria Parks vencendo como Melhor Artista Revelação na cerimônia em maio. Além disso, Arlo lidera as indicações no AIM Awards 2021, que a vê representada em quatro categorias, e foi indicada para Breakthrough International Act no recente BET Awards em L.A.

 

Too Good‘ segue os hits ‘Hope‘, ‘Caroline‘, ‘Hurt‘ e ‘Black Dog‘, todos os quais foram colocados simultaneamente nas playlists da BBC Radio 1 e da BBC 6 Music e acumularam milhões de streams mundialmente, ao lado do recente corte do álbum ‘Green Eyes‘ – que também contou com os vocais e guitarra de Clairo. Ela apresentou ‘Caroline‘ no Later… With Jools Holland e no The Graham Norton Show, a colocando no holofote em frente a milhões de espectadores nacionalmente. Enquanto nos Estados Unidos, ela apareceu no Jimmy Kimmel, Jimmy Fallon e no James Corden.

 

Arlo continua a crescer este ano, ao adicionar um papel de protagonista na recente campanha dirigida por Gus Van Sant para a Gucci, ao lado de Billie Eillish, Harry Styles, Florence Welch e mais, aos seus elogios acumulados. Artigos recentes da imprensa viram Arlo aparecer na capa da Clash Magazine, Evening Standard Magazine, Rollacoaster Magazine, NME e Dork Magazine, além de ser incluída na Dazed 100 List  de 2020. Arlo também foi recentemente nomeada a vencedora do prêmio Artista do Ano da BBC e embaixadora da instituição de caridade britânica CALM.

 

Suas composições a viram ganhar novos fãs como Billie Eilish, Florence Welch, Michelle Obama, Angel Olsen, Phoebe Bridgers, Massive Attack e a renomada escritora Zadie Smith, entre muitos outros. Isso tudo durante a realização de shows de destaque para as reverenciadas COLORS e NPR’s Tiny Desk series – além de ser uma dos únicos três artistas a se apresentarem em Glastonbury no ano passado, e apresentar um episódio de Jools Holland. O recente anúncio da turnê de Arlo no Reino Unido teve os ingressos esgotados em menos de uma hora. Mais datas em lojas de discos independentes em todo o país foram adicionadas, com a programação completa de Arlo no Reino Unido a seguir:

 

Arlo Parks – Datas de 2021 no Reino Unido

 

23 de julho de 2021 PIAS Outstore Norwich
24 de julho de 2021 Latitude
3 de agosto de 2021 PIAS Outstore, Liverpool
5 de agosto de 2021 PIAS Outstore, Coventry
10 de agosto de 2021 PIAS Outstore, Londres
15 de agosto de 2021 Boardmasters, Cornwall
17 de agosto de 2021 PIAS Outstore, Oxford
28 de agosto de 2021 Lost Village, Lincolnshire
29 de agosto de 2021 All Points East, Londres
3 de setembro de 2021 End of the Road, Wiltshire
5 de setembro de 2021 Electric Picnic, Dublin

 

6 de setembro de 2021 Thekla, Bristol – ESGOTADO
7 de setembro de 2021 Belgrave Music Hall, Leeds – ESGOTADO
8 de setembro de 2021 Rescue Rooms, Nottingham – ESGOTADO
12 de setembro de 2021 Village Underground, Londres – ESGOTADO
13 de setembro de 2021 Village Underground, Londres – ESGOTADO
14 de setembro de 2021 Hare and Hounds, Birmingham – ESGOTADO
16 de setembro de 2021 Gorilla, Manchester – ESGOTADO
17 de setembro de 2021 Chalk, Brighton – ESGOTADO

 

1 de novembro de 2021 SWX, Bristol
3 de novembro de 2021 Shepherds Bush, Londres – ESGOTADO
4 de novembro de 2021 Shepherds Bush, Londres – ESGOTADO
9 de novembro de 2021 Academy, Manchester – ESGOTADO
10 de novembro de 2021 St Lukes, Glasgow – ESGOTADO
11 de novembro de 2021 The Liquidroom, Edimburgo – ESGOTADO

 

Sobre Arlo Parks:

 

No mundo de Arlo Parks, as palavras são tão importantes quanto imagens. Vinhetas exuberantes e expressivas apimentam as letras poéticas de suas doces canções indie pop ruminativas. De nascença Anaïs Oluwatoyin Estelle Marinho, a menina de 20 anos do Oeste Londrino – que surgiu na cena musical em 2018 com “Cola” – usa poesia como o compasso de suas composições, criando imagens vívidas, histórias honestas que se tornam parte de seu rico repertório. “Eu sempre me interessei pela ideia de utilizar um momento extremamente específico e transformá-lo em algo universal, que as pessoas pudessem se conectar,” Arlo comenta sobre utilizar da poesia em suas composições.

 

Uma criança sensível, Arlo cresceu em uma parte tranquila da cidade. “Não tinha muito o que fazer, e eu era uma criança bem feliz, eu vivia no meu próprio mundo,” ela explica, descrevendo usar muito de seu tempo livre para expressar suas emoções. “Eu sempre tive sentimentos muito fortes, por isso comecei a escrever muito jovem,” ela diz, referenciando poetas como Gary Snyder, Mary Oliver e Pat Parker que a inspiraram a escrever. “É aquela qualidade cinematográfica que pode fazer você se sentir como se estivesse mergulhado na subjetividade de alguém,” ela comenta sobre o impacto da poesia. Arlo lembra que um presente de seu tio – uma coleção de discos que incluíam clássicos de Sade, Earth Wind & Fire, e Bob Dylan – e cantar no coral a ajudaram a praticar seu lado musical. Como muitas crianças da sua idade, ela cresceu vasculhando o YouTube por músicas, descobrindo Portishead, Odd Future, Elliott Smith, Joni Mitchell, King Krule, e uma gama eclética de música para se enraizar.

 

Aos 14 anos, Arlo baixou Garageband e começou a criar batidas para poder colocar suas poesias por cima, o que foi se transformando em cantar e o soprano suave que a destaca na música atual. Em 2017, ela se arriscou e inscreveu suas gravações para a BBC Introducing, que a levou para sua primeira entrevista, um agente e um contrato com uma gravadora. Em 2018, Arlo começou seu primeiro EP, colaborando com o produtor Gianluca Buccellati no sucesso de 2019 Super Sad Generation. “Nós estávamos em um Airbnb em Londres, apenas escrevendo, tirando fotos e saindo para passear,” Arlo lembra – eles acabaram escrevendo as músicas em apenas 24 horas. O EP Sophie logo chegou, e com isso, apresentações em Glastonbury e ao lado de Jordan Rakei e Loyle Carner. Uma posição no BBC Sound Poll, e ela foi incluída na Dazed’s 100 List em 2020 – um ano excepcional para Arlo. Nas capas de revistas como NME e Evening Standard, ganhou os prêmios AIM One to Watch e BBC Introducing Artist Of The Year, e aparições nos programas COLORS e Later…. with Jools Holland, tudo enquanto Arlo ganhou fãs como Phoebe Bridgers, Billie Eilish, Florence Welch, Lily Allen, Michaela Coel e até Michelle Obama.

 

Conecte-se com Arlo Parks:

Facebook  | Instagram  | Twitter

 

 

 

 

 

 

Com informações: CATTO COMUNICAÇÃO