BaianaSystem lança “BRASILIANA”

Ouça aqui:   https://links.altafonte.com/oxeaxeexu

 

 O BaianaSystem lança o seu mais novo álbum, OXEAXEEXU, resultado da experiência iniciada em abril de 2020, quando o mundo mudou sua rota. O disco que começou a ser conhecido no dia 2 de fevereiro (festa de Yemanjá) com o lançamento do single e do clipe de Reza Forte, seguiu sendo apresentado em três atos – Navio Pirata, Recital Instrumental e América do Sol – que agora se juntam com nova ordem para formar um álbum de 21 faixas, que se completa com a chegada da canção Brasiliana.

 

A música tem a participação especial de Chico César, que mandou sua voz diretamente do Uruguai, onde segue num retiro artístico, e de Mintcho Garrammone (guitarra baiana e bandoneon) diretamente da Argentina, afirmando ainda mais o caráter afrolatino desta obra. A fé, a luta, a transformação e a esperança nos unem como povos em busca dessa nação Brasiliana, e OXEAXEEXU é um movimento nessa direção.

 

 

BRASILIANA (Russo Passapusso/Roberto Barreto/Mintcho Garramone)

 

Brasileiro Brasiliano não jogue a sujeira debaixo do pano

Brasileiro Brasiliano não pegue essa estrada, sabendo que é engano

Vai Brasiliano, você nunca foi norte Americano

Brasileiro Brasiliano, não faz mais sentido ficar reclamando

Não sou bandoleiro, ouço a badalada

De um sino que vai tocando

Bandeira, escudo, espada

Amiga pensando bem, pensando com o coração

Não bote a cabeça a prêmio

Procure outra direção

Eu preciso de você viva

Você precisa dessa canção

 

E quando o contrabaixo faz tum tum

A guitarra faz tenco tenco

Coração bate tum tum

Que saudade faz tanto tempo

Quanto tem?

Tem quanto tem quanto tem quanto tem quanto tem

Quanto tem quanto tem quanto tem quanto tem

 

Participação especial: Chico César

 

Voz – Russo Passapusso

Guitarra Baiana, guitarra baiana acústica nylon e violão – Roberto Barreto

Guitarra Baiana, guitarra baiana acústica nylon e bandoneon – Mintcho Garrammone

Baixo, efeitos e sampler – Seko Bass

Teclados – Daniel Ganjaman

 

Gravado nos estúdios Casa das Máquinas por Tadeu Mascarenhas e no estúdio móvel El Bunker por Esteban Blanca em La Juanita, Uruguai.

Mixado por Daniel Ganjaman.

Masterizado por Fernando Sanches.

Produzido por Daniel Ganjaman e BaianaSystem.

 

Arte da Capa: Cartaxo

 

Selo Máquina de Louco

 

www.baianasystem.com.br

www.maquinadelouco.com.br

 

 

 

 

 

 

Com informações: Bebel Prates Assessoria de Comunicação