Banda Tereza se aproxima da MPB em novo single. Vem álbum aí

GLOCKS & REMÉDIOS, PT. 1 (SINGLE)

 

Coproduzida por Kassin, a banda fala sobre depressão e auto aceitação no primeiro single do próximo álbum de estúdio 

 

#mpbalternativa #indiepop  

 

OUÇA AQUI –  STREAMING / DOWNLOAD >>

 

Assista o clipe aqui: https://www.youtube.com/watch?v=BPu67D2OHUE&feature=youtu.be

 

Com dois álbuns lançados e um Prêmio Multishow no currículo, a Banda Tereza está de volta após um hiato de dois anos. Formada em 2009 por cinco amigos de infância, em Niterói (RJ), sob influência do indie dos Strokes e Libertines, a banda – agora na formação de trio (Mateus Sanches, Vinícius Louzada e João Volpi) – lançou nesta quarta-feira (25), Glocks & Remédios, Pt.1, primeiro single do álbum Animes, Kylie Jenner, Glocks & Remédios, que sai em 29 de janeiro.

 

Glocks & Remédios, Pt. 1, foi produzida por Kassin com Mateus Sanches, autor da faixa. Assinando também a coprodução do álbum, Kassin – conhecido por sua pluralidade musical – adicionou doses de MPB ao indie melódico da banda.

 

O videoclipe tem direção de João Paulo Casalino e conta com a participação da brasiliense Ranger Amarela.

 

“A música fala sobre depressão e auto aceitação através de alegorias – como a cena descrita na cozinha”, explica Mateus. “Com um arranjo e harmonia delicadas tentamos criar um contraponto para a letra deprê. O clipe também é alegre, é uma narrativa de herói. Explorando suas individualidades, Vinicius e Ranger Amarela conseguem vencer a depressão; o monstro azul que sempre está à espreita”, finaliza.

 

 

SOBRE A BANDA

 

Em 2009, um grupo de amigos de Niterói, que se conheciam desde a época da escola, montou uma banda para se divertir. Com o nome da garota mais cobiçada do colégio, a Banda Tereza viu sua fonte de lazer ser reconhecida nacionalmente 3 anos depois, quando ganharam destaque na cena underground do Rio de Janeiro ao serem campeões do Festival Universitário da MTV. Em seguida, através de votação popular, venceram o Prêmio Multishow na categoria “Experimente”, o que lhes rendeu um contrato com o selo SLAP. Nos anos seguintes, a banda lançou dois álbuns de estúdio e rodou o país com turnês, passando por grandes palcos e festivais nacionais (Lollapalooza, Planeta Atlântida, Circo Voador). Em 2020 assinaram com o selo indie LAB 344.

 

 

 

Com informações: Imprensa LAB 344