Fagner lança álbum “Serenata”, projeto estará disponível nos formatos físico e digital

Ouça o álbumhttps://orcd.co/fagnerserenata

 

O novo álbum de Raimundo Fagner é uma seleção de serestas e clássicos da música popular gravados originalmente por grandes vozes da Era do Rádio, como Francisco Alves, Sílvio Caldas, Orlando Silva e Vicente Celestino. A seleção afetiva de Fagner reúne temas de Pixinguinha, Silvio Caldas, Cartola, Orestes Barbosa, Vinícius de Moraes e Chico Buarque, entre outros compositores. Batizado de “Serenata”, o projeto está sendo lançado nos formatos físico e digital dia 18 de dezembro e é a estreia de Fagner na Biscoito Fino.

 

A relação com essas canções começou nos tempos de criança: “Meu irmão Fares Cândido Lopes foi o grande seresteiro de Fortaleza, me criei ouvindo ele cantar com Evaldo Gouveia, grande compositor da MPB que era nosso vizinho e afilhado de meus pais. Na minha infância eu ouvia música de adultos, grandes seresteiros, especialmente Silvio Caldas, a quem considerava o maior. É uma homenagem ao meu irmão, eu devia esse disco. Ele também me influenciou na paixão pelo futebol e fez muito pelo esporte, tendo sido presidente do Fortaleza”, pontua Fagner.

 

O primeiro single, “Lábios que Beijei”, primeiro grande sucesso de Orlando Silva em em 1937, estreou nas plataformas digitais em outubro.  O segundo, “Serenata”, que antecedeu a chegada do álbum, revelou a colaboração especialíssima de Fagner com Nelson Gonçalves, feita com ajuda da tecnologia, tendo como base a voz original da gravação que Nelson lançou em 1991.

 

Além de homenagear a um dos mais populares cantores do Brasil, o agora registro em dueto resgata histórias de Fagner com um de seus grandes ídolos na música.  “Comecei a fazer seresta com as músicas do Nelson, jamais imaginaria que um dia viesse a gravar com ele. Na verdade, nossa relação não começou nada bem. Quando estourei com a música “Noturno (Coração Alado)”, a mais severa e contundente crítica que recebi foi dele, o que muito me entristeceu. Até que um dia o Nelson me apareceu no estúdio da Som Livre, com o produtor José Milton, me convidando pra gravar no disco “Eu e Eles”. Sentamos no mesmo banco do piano pra tirar o tom de “Mucuripe”: a partir daí, nossa amizade era como a de dois adolescentes. Fazer este dueto com o Nelson é realizar um sonho, acho que refiz esta voz umas cinquenta vezes”.

 

A ideia de um projeto como “Serenata” é antiga e se fortaleceu quando Fagner visitou a cidade de Conservatória (RJ), berço da seresta: “A convite do meu parceiro e amigo Paulinho Tapajós fui à terra de seu pai, Paulo Tapajós, pioneiro do rádio brasileiro. Foi um dos dias mais emocionantes da minha vida ser homenageado por uma multidão cantando “Mucuripe”, à porta da casa dos Tapajós”, relembra Fagner.

 

Com tantas serestas em sua vida, selecionar 12 para o álbum não foi tarefa fácil: “Esta foi talvez a parte mais difícil. Meu amigo e produtor José Milton tanto ajudou quanto complicou a minha escolha. Além de grande cantor, ele é um profundo conhecedor deste repertório”, finaliza o cantor e compositor cearense.

 

 

Repertório de Serenata:

 

  1. SERENATA

Intérprete: Raimundo Fagner e Nelson Gonçalves
Autoria: Silvio Caldas / Orestes Barbosa
Editora: Irmãos Vitale

 

  1. LÁBIOS QUE BEIJEI

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: J. Cascata / Leonel Azevedo
Editora: Mangione & Filhos & Cia

 

  1. MALANDRINHA

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: Freire Júnior
Editora: Mangione & Filhos & Cia

 

  1. AS ROSAS NÃO FALAM

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: Cartola
Editora: Universal MGB

 

  1. MARINGÁ

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: Joubert de Carvalho
Editora: Irmãos Vitale

 

  1. NOITE CHEIA DE ESTRELAS

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: Candido das Neves
Editora: Domínio Público

 

  1. SERENATA DO ADEUS

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: Vinicius de Moraes
Editora: Fermata do Brasil

 

  1. DEUSA DA MINHA RUA

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: Newton Teixeira / Jorge Faraj
Editora: Irmãos Vitale

 

  1. ROSA

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: Pixinguinha
Editora: Magione & Filhos & Cia

 

  1. VALSINHA

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: Chico Buarque / Vinicius de Moraes
Editora: Marola / Cara Nova (Arlequim)

 

  1. CHÃO DE ESTRELAS

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: Silvio Caldas / Orestes Barbosa
Editora: Irmãos Vitale

 

  1. MACURIPE

Intérprete: Raimundo Fagner
Autoria: Raimundo Fagner / Belchior
Editora: Warner Chappell

 

Projeto: Raimundo Fagner

Produzido por: José Milton

Repertório: Raimundo Fagner e José Milton

Gravado e Mixado por Lucas Ariel (Estúdio Biscoito Fino) RJ

Sanfona:  Adelson Viana gravada no (Vila Estúdio) Fortaleza

Masterizado por Ricardo Essucy (Cia dos Técnicos) RJ

 

Preço sugerido: R$ 54,00 (Lançamento Biscoito Fino) – www.biscoitofino.com.br

 

Fotos: Jorge Bispo

 

 

Assessoria Biscoito Fino – Coringa Comunicação