Já está no ar o álbum de estreia do grupo SOPRANO A VIOLA

“Onde Está o Jeca?” faz releitura de obras que conectam o mundo rural da viola caipira com o urbano, através do saxofone

 

>> OUÇA AQUI <<

 

 A composição “Onde Está o Jeca?” dá nome ao primeiro disco do Soprano a Viola, que chega nesta sexta-feira, 7 de julho, aos aplicativos de música, com distribuição da Tratore. Na semana seguinte, dia 14 de julho, às 20h, o coletivo mostra o disco ao vivo, com show gratuito, na Praça da Estação, em Santa Rita do Passa Quatro (SP). O grupo formado pelos irmãos Mateus Marques, Caio de Souza e Tiago Marques foi contemplado pelo Edital Música Popular / Gravação de Álbum do ProAC para a produção de seu primeiro trabalho fonográfico, que apresenta obras que conectam os mundos rural e urbano.

 

Naturais de Santa Rita do Passa Quatro, Caio de Souza (viola caipira), Mateus Marques (saxofone soprano e saxofone alto) e Tiago Marques (violão) desenvolvem um trabalho de releitura de obras que conectam o mundo rural da viola caipira com o urbano através do saxofone, sempre com olhar atento para o tradicional, visando novas possibilidades de arranjos e sonoridades contemporâneas. A banda se completa com Vitor Coelho (bateria), Adriel Job (percussão) e Daniel Moreira (contrabaixo acústico), que trazem influências da música instrumental brasileira e do jazz norte-americano. A produção musical do álbum é de Thiago Paccola.

 

“Onde Está o Jeca?” aproxima a viola caipira do saxofone através da linguagem da música instrumental brasileira a partir do primeiro gênero musical urbano genuinamente brasileiro – o choro – e, também, de outros ritmos, como baião, maracatu, cateretê e forró. Com oito faixas, o disco traz desde composições mais urbanas, de autores como Ernesto Nazareth e Arismar do Espírito Santo, até músicas do interior, compostas por Caio de Souza e Thiago Paccola, violeiros do interior de São Paulo.

 

 

FAIXA A FAIXA  Por Caio de Souza

 

“Gedeando” (Domingos de Salvi) 

A primeira faixa do álbum é inspirada na obra do violeiro Gedeão da Viola. Um cateretê balançado que homenageia este importante violeiro do interior de São Paulo, com pitadas de clássicos do seu repertório como “Pau Brasil” e “Chega Mais”.

 

“Ponteado” (Antonio Madureira) 

Antônio Madureira é uma figura seminal na música nordestina. Foi um dos criadores do Quinteto Armorial, grupo que fazia parte do Movimento Armorial, idealizado por Ariano Suassuna nos idos da década de 1970. “Ponteado” tem a verve do sertão nordestino rearranjada pelos integrantes do Soprano a Viola.

 

“Onde Está o Jeca?” (Caio de Souza) 

Quando falamos de música caipira uma das primeiras melodias que nos vêm à mente é “Tristeza do Jeca”, de Angelino de Oliveira. “Onde está o Jeca?” é uma fantasia composta pelo violeiro Caio de Souza, inspirada nesta emblemática música do cancioneiro caipira.

 

“Cadê a Marreca?” (Arismar do Espírito Santo)

Este baião extrovertido de melodia dançante acompanha há um bom tempo o repertório dos integrantes do Soprano a Viola. Quando nos reunimos para decidir o repertório que integraria este álbum, este baião foi unanimidade.

 

“Brejeiro” (Ernesto Nazareth)

Um clássico do choro, “Brejeiro” é um tango brasileiro que ganhou uma nova roupagem nesse arranjo que explora a viola como solista e saxofone fazendo ora melodia, ora contracantos. Para apimentar e conversar com os nossos vizinhos latinos, uma breve salsa embala a última reexposição do tema principal.

 

“Viola Quebrada” (Mário de Andrade)

“Viola Quebrada” é a única composição desse importante estudioso da cultura brasileira. Neste álbum, ela ganha uma versão para viola caipira, saxofone alto e contrabaixo acústico, num arranjo de Rubens Ricciardi e adaptado pelo trio.

 

“Forrozal” (Marco Pereira)

Marco Pereira é um importante violonista brasileiro, que na década de 80 compôs “Forrozal”, música para viola caipira solo encomendada pelo violeiro e pesquisador Roberto Corrêa. Neste álbum, a melodia é dividida entre a viola caipira e o saxofone soprano, acompanhada por violão, contrabaixo acústico, bateria e percussão.

 

“Cumuru” (Thiago Paccola) 

Dedicada ao Soprano a Viola, inspirada na Vila de Cumuruxatiba, Sul da Bahia. A música “Cumuru” tem um balanço que caminha pelos gêneros do nordeste, que traz na composição de Thiago Paccola imagens sonoras de uma viagem de São Paulo a Bahia, no verão de 2019.

 

FICHA TÉCNICA

 

ÁLBUM “Onde Está o Jeca?”, de Soprano a Viola

Part. Especial: Thiago Paccola 

 

Soprano a Viola é:

Mateus Marques: saxofone soprano e saxofone alto

Caio de Souza: viola caipira

Tiago Marques: violão

Vitor Coelho: bateria

Daniel Moreira: contrabaixo acústico

Adriel Job: percussão

 

Gravado no Estúdio Síncopa, Campinas (SP)

Produtor Musical: Thiago Paccola

Técnico de Estúdio: José Bichoff

Mixagem: Nycollas Medeiros

Masterização: Ricardo Vignini

Distribuição Digital: Tratore

 

Arte da Capa: Tiago Marques

Foto e Vídeo: Raquel Schaedler

Designer: Natalia Mamblona

Assessoria de Comunicação: Miriam Roia e Vivien Drumond

 

Projeto premiado no Edital Música Popular / Gravação de Álbum – ProAC nº 15/2022

 

FAIXAS

 

  1. “Gedeando” (Domingos de Salvi)
  2. “Ponteado” (Antonio Madureira)
  3. “Onde Está o Jeca?” (Caio de Souza / Angelino de Oliveira)
  4. “Cadê a Marreca?” (Arismar do Espírito Santo)
  5. “Brejeiro” (Ernesto Nazareth)
  6. “Viola Quebrada” (Mário de Andrade)
  7. “Forrozal” (Marco Pereira)
  8. “Cumuru” (Thiago Paccola)

 

SERVIÇO DO SHOW:

 

Data: sexta-feira, 14 de julho de 2023

Horário: às 20h

Local: Praça da Estação

Entrada gratuita

 

 

 

 

 

 

Com informações: ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO | SOPRANO A VIOLA

SOMAR COMUNICAÇÃO INTEGRADA

#SIGA NO INSTAGRAM
Hoje (23/02), é aniversário do cantor e compositor Wilson Simonal que completaria 86 anos.

Um dos maiores nomes da música popular brasileira.

E quando pinta saudade de ouvir os clássicos, ainda bem que temos o show "O novo Baile do Simonal", com @wsimoninhaoficial e Max de Castro @maxdecastrooficial 

#wilsonsimonal #happybirthday
@colinhay @midiorama
Hoje (19/02), é aniversário da jovem atriz Millie Bob Brown @milliebobbybrown que completa 20 anos.

#milliebobbybrown #boomerangmusic #happybirthday #strangerthings
Hoje (19/02), é aniversário do cantor, compositor e ator Evandro Mesquita @evandromesquita que completa 72 anos.

Vocalista da banda Blitz @blitzoficial 

#evandromesquita #Blitz #happybirthday #boomerangmusic
Hoje (19/02), é aniversário do cantor e compositor Seal @seal que completa 61 anos.

Um dos maiores nomes da música pop.

#seal #happybirthday #boomerangmusic