KARINA BUHR FAZ SHOW DO ÁLBUM DESMANCHE NO SESC BELENZINHO

Apresentação com repertório baseado no disco de 2019 tem participação de Max B.O.

 

De 1 a 3 de abril, o Sesc Belenzinho recebe Karina Buhr, em show do álbum Desmanche. As apresentações, que contam com a participação de Max B.O., ocorrem sexta e sábado, 21h e domingo, 18h.

 

Desmanche, lançado em 2019, é o quarto disco da artista. Com todas as letras compostas por Karina Buhr (exceto na canção Filme de Terror, parceria com Max B. O.), o repertório traduz um país onde tudo é desmanchado e desmontado: arte, natureza, cultura e ética. “Desmanche explora tanto o caos que estamos todos vivendo no mundo – de esgotamento de recursos naturais e de velhas ideias – como a calma em que às vezes nos recolhemos e muito por elas também sobrevivemos”, declarou Karina Buhr na ocasião do lançamento do disco. Com dez faixas, o álbum traz uma mescla de punk, pós-punk e tambores pernambucanos, permeados por poesia.

 

A cantora, compositora e percussionista Karina Buhr começou na música em 1991, tocando nos maracatus Piaba de Ouro e Estrela Brilhante do Recife. Fez parte das bandas Eddie e Comadre Fulozinha. Tocou com Erasto Vasconcelos e DJ Dolores. Na carreira solo lançou os discos Eu Menti pra Você (2010), Longe de Onde (2011), Selvática (2015) e Desmanche (2019). De 2002 a 2007 atuou no Teatro Oficina, onde participou de As Bacantes e as cinco peças da montagem de Os Sertões, em cartaz em São Paulo e em turnê por Salvador, Rio de Janeiro, Recife, Quixeramobim, Canudos e abriu a temporada 2005/2006 do Volksbühne, em Berlim. Em 2015 lançou o livro Desperdiçando Rima (Rocco) e em 2019 gravou Meu Nome é Bagdá, de Caru Alves de Souza, seu primeiro longa metragem como atriz, vencedor do prêmio do júri da mostra Generations, na Berlinale 2020. Desde março de 2020 Karina escreve mensalmente crônicas e também ilustra a coluna Geralmente, na Revista Continente online.

 

PROTOCOLOS DE SEGURANÇA PARA ACESSO E PERMANÊNCIA NA UNIDADE

 

Apresentação do comprovante de vacina

 

Em todas as unidades do Sesc no estado de São Paulo é necessário apresentar o comprovante de vacinação contra a Covid-19. Desde dezembro de 2021, o acesso às unidades passa a ser realizado mediante comprovação de duas doses da vacina ou da dose única, e um documento oficial com foto. O público pode apresentar o comprovante físico, recebido no ato da vacinação, ou o comprovante digital, disponibilizado pelas plataformas VaciVida e Conecte SUS, ou pelo aplicativo e-saúdeSP.

 

Máscaras

Recomendamos o uso de máscaras, cobrindo adequadamente boca e nariz.

 

KARINA BUHR 

 

Participação De Max B.O.
Dias 1, 2 e 3 de abril de 2022. Sexta e sábado, 21h. Domingo, 18h.
Local: Teatro (374 lugares)
Ingressos: R$ 40,00 (inteira); R$20,00 (Meia entrada/Credencial Sesc)
Recomendação etária: 12 anos
Duração: 90 minutos 

 

Sesc Belenzinho


Endereço: Rua Padre Adelino, 1000.
Belenzinho – São Paulo (SP)
Telefone: (11) 2076-9700
www.sescsp.org.br/belenzinho

Estacionamento
De terça a sábado, das 9h às 22h. Domingos e feriados, das 9h às 20h.
Valores: Credenciados plenos do Sesc: R$ 5,50 a primeira hora e R$ 2,00 por hora adicional. Não credenciados no Sesc: R$ 12,00 a primeira hora e R$ 3,00 por hora adicional.

Para espetáculos pagos, após as 17h: R$ 7,50 (Credencial Plena do Sesc – trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo). R$ 15,00 (não credenciados).

 

Transporte Público
Metro Belém (550m) | Estação Tatuapé (1400m)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com informações:  Assessoria de Imprensa SESC Belenzinho