Laura Conceição lança álbum “Espelho”

Atual representante de São Paulo no Slam BR, o maior e mais complexo do Brasil, poeta e cantora apresenta trabalho, já nas plataformas de streaming, marcado por ritmos diversos

 

Dentro e fora não são espaços fechados, mas um fluxo contínuo no álbum “Espelho”, da poeta e cantora Laura Conceição, já nas plataformas de streaming. Casa e rua, eu e outro, intimismo e extroversão, tudo junto e em contato conformam um trabalho avesso aos muros, aos limites e aos rótulos. Assim, até mesmo classificar o álbum torna-se exercício inviável. “Eu faço poesia e música”, define Laura. “Quero ser livre para fazer música e poesia na forma como eu quiser. Não quero ter que me encaixar. Esse álbum mostra que estou fazendo um movimento para me comunicar de outras formas através da poesia. O rap está na minha veia e transito por outros gêneros. Faço Música Popular Brasileira, que é um termo muito amplo. Isso envolve rap, trap, samba, funk, bossa e muito mais”, observa a artista natural de Juiz de Fora (MG).

 

Atual representante de São Paulo no Slam BR – Campeonato Brasileiro de Poesia Falada, Laura Conceição apresentou o novo nas últimas edições do Slam das Minas e do Slam do 13, além de ter sido uma das convidadas do último sarau do Cooperifa. Neste sábado, 30, é uma das convidadas do Slam Perplexo, na Penha, e no dia seguinte, dia 1º de agosto, participa do Slam Resistência, na Praça Roosevelt. A estreia do novo show acontece no dia 12, em Juiz de Fora, no Beco, onde também serão expostos os originais das capas dos singles e do álbum, obras de autoria da artista Jéssica Filipino.

 

Espelhar-se

 

A música que dá título ao novo trabalho – segundo disco da carreira -, faz o mesmo movimento. “Espelho” inicialmente remete a um discurso amoroso para finalizar como uma ode ao autoconhecimento. O desfecho muda completamente a perspectiva. Para Laura, a quebra é importante, porque a poesia que antes se endereçaria a uma pessoa, para a se voltar para uma coletividade. “’Espelho’ surgiu como uma provocação”, conta a poeta. “É curioso que, no slam quando os poetas recitam poesias de amor, as notas são sempre baixas. Eu queria construir uma poesia que fosse de amor, com muitas referências. Queria pegar as pessoas nesse jogo de referências. Comecei a falar sobre uma mulher e, de repente, já era sobre olhar as coisas ao redor. Comecei a tentar traduzir essa beleza no texto e, no final, pensei que bom seria se nós mulheres enxergássemos essa beleza ao redor também na gente.”

 

Uma das criações mais conhecidas da poeta, “Espelho” foi por diferentes vezes recitada nas famosas lives da cantora Teresa Cristina durante o período mais crítico da pandemia. “É incrível o olhar que ela tem sobre as mínimas coisas. Tudo vira poesia”, comentou a sambista carioca numa das apresentações, sob a confirmação da cantora paulista Mônica Salmaso: “Ela fala apaixonadamente”. Única poesia falada do novo álbum, “Espelho”, segundo Laura, conecta o trabalho à sua própria trajetória pessoal e artística. “Nessa poesia consigo atingir um adolescente de 12 e uma senhora de 70. Quando recito pela primeira vez, a galera ama de um jeito que nunca tinha pensado. É um marco no meu trabalho porque ela comunica da forma que eu acho que a poesia tem que comunicar”, defende Laura.

 

Reflexos de si e do meio

 

Como o próprio nome indica, “Espelho”, o álbum reflete sua criadora, que, iniciada profissionalmente em 2017, logo venceu o primeiro slam de Juiz de Fora, foi classificada para o campeonato estadual, que a levou ao nacional, no qual ficou em terceiro lugar. Graduada em jornalismo e publicidade e mestranda em Educação pesquisando o potencial educacional dos slams nas escolas, Laura criou o novo trabalho durante a pandemia. Até entrar em estúdio, o trabalho não tinha um nome. Durante o processo, todos os envolvidos apontavam como as músicas traduziam a artista. E Laura Conceição é muitas, do rap ao samba, dos versos românticos aos discursos politizados, da poesia intimista ao dançante refrão melódico. O elo é a poesia. “Minha vibe não é fazer um solo incrível de guitarra, mas como a poesia pode ressoar com a guitarra. Como ela ressoa com um atabaque, com um beat, com um soul, com um choro. Isso é fazer Música Popular Brasileira”, argumenta, dizendo-se interessada numa produção boa para dançar e para refletir, boa para ouvir em casa, na rua e no show.

 

“Espelho” reúne, portanto, as dançantes “Caos” e “Jazz Brasil” (com participação do clarinetista Caetano Brasil). Enquanto a primeira reflete uma atmosfera mais pop, a segunda preserva referências da bossa e do jazz. No mesmo álbum também estão “Sossego” (com participação de Luisa Moreira) com sua influência do blues e “Hoje o sol não apareceu” com sua atmosfera roqueira. A coesão do álbum é resultado tanto do processo democraticamente participativo, quanto da afinidade entre os envolvidos, com destaque para os produtores Everbeatz e Álvaro Borges, parceiros de longa data de Laura. “Acho que esse disco também dialoga com a equipe, com uma galera que gosta de fazer música sem rótulos. É sem rótulo no sentido de não ter preconceito e no sentido de ter dificuldade de categorizar”, pontua a poeta e cantora de 26 anos, que em 2020 e 2021 participou do projeto “Arte da Palavra”, do Sesc. E logo conclui: “É livre. É música.”

 

Ouça o álbum: https://tratore.ffm.to/espelho

 

Ficha Técnica

 

Autoria: Laura Conceição

Participações: Luisa Moreira e Caetano Brasil

Produção: Everbeatz e Álvaro Borges

Capa: Jessica Fillipino

Fotos: Natalia Elmor e Radha Damasceno

 

Siga Laura Conceição

 

Youtube.com.br/lauraconceicao

instagram.com/ lauraconceicao10

facebook.com/ lauraconceicaopoeta

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com informações:  Literária Comunicação

#SIGA NO INSTAGRAM
Hoje (20/05), é aniversário do cantor, compositor e pintor Bryan Behr @bryanbehroficial que completa 28 anos.

#bryanbehr #boomerangmusic #happybirthday
Hoje (15/05), é aniversário do músico e produtor Brian Eno @brianeno que completa 76 anos.

Foi integrante da banda Roxy Music, mas produziu dezenas de artistas como U2, David Bowie, entre muitos.

#brianeno #happybirthday
#boomerangmusic
Hoje (15/05), é aniversário do cantor e compositor Andrew Eldritch @andrew_eldritch que completa 65 anos.

Vocalista e fundador da banda The Sisters Of Mercy

#thesistersofmercy #andreweldritch #happybirthday #boomerangmusic
Hoje (15/05), é aniversário do cantor, compositor, ator e multiinstrumentista André Abujamra @andre_abujamra que completa 59 anos.

#andreabujamra #happybirthday #boomerangmusic
Hoje (13/05), é aniversário do cantor e compositor Sebastião Reis @sebastiao.reis13 que completa 29 anos.

#sebastiaoreis #boomerangmusic #happybirthday
Hoje (13/05), é aniversário do mágico cantor, compositor, pianista e multiinstrumentista Stevie Wonder que completa 74 anos.

#steviewonder #happybirthday #boomerangmusic
Hoje (12/05), é aniversário do baterista e multiinstrumentista André Jung @andrejung61 que completa 63 anos.

Foi baterista dos Titãs e da banda IRA!

#Andrejung #boomerangmusic #happybirthday
Hoje (12/05), é aniversário do cantor, compositor e guitarrista Clemente @clementetadeu das bandas Plebe Rude e Inocentes.

#Clemente #happybirthday #boomerangmusic