Laura Petit explicita o desejo feminino no single e clipe “Durex”

Cantora está lançando uma série de singles em forma de MPB Pop

 

O desejo e o olhar feminino sobre o prazer sempre foi algo presente na obra da cantora e compositora Laura Petit. Mas em “Durex”, ela ganha contornos mais diretos e explícitos em uma mistura de relato íntimo e desabafo mergulhando a MPB alternativa da artista em um synth pop com tons de brega. Com produção musical assinada por Janluska (Tuyo, Jaloo, Sebastianismos) e coprodução de Eduardo Rozeira (A Banda Mais Bonita da Cidade), o projeto ganha também um videoclipe da diretora Leticiah (Tuyo, Room).

 

Assista ao clipe “Durex”: https://youtu.be/8WHpHTriyj0

 

Ouça “Durex”: https://pomar.fanlink.to/DurexLauraPetit

 

“Sinto que nessa faixa a gente se entregou pra estética pop, que está presente na música e no clipe. Isso sem perder as referências de brasilidade, que é denominador comum em todos os meus trabalhos. Muito disso tem a ver com a produção luxuosa do Janluska. Depois de tantas faixas trabalhando em dupla com meu parceiro Du Rozeira, o Janluska chegou nessa música pra refrescar nossas ideias e referências. Além disso, no clipe de Durex eu tive a chance de encontrar e me aprofundar nessa persona-diva-pop-superproduzida que até então não havia sido explorada. Acho que apesar de tantas músicas intensas, eu sempre me colocava como menina-sapeca-pipoca, sabe?”, se diverte Laura Petit.

 

A artista vai da MPB ao baião, da psicodelia ao experimental. Trazendo uma visão agridoce, bem-humorada e por vezes debochada dos afetos modernos, ela entrega uma sinceridade desinibida, uma candura desconcertante e uma ironia cortante, embaladas por uma instrumentação tão atual quanto nostálgica.

 

Nascida em Brasília e criada em Curitiba, Petit traz a arte no corpo desde sempre. Bailarina da infância até a adolescência, ela utiliza a linguagem corporal da dança para evoluir sua música. Em 2017, lançou “Monstera Deliciosa”, um álbum que oferecia uma percepção livre e criativa do feminino. O segundo disco, “Pelada por Esporte”, marcou um olhar diferente e fora do universo decadente da temática do álbum anterior, voltando-se para dentro. Recentemente ela começou uma a trabalhar uma série de singles, como “Sol na Virilha” e “Cabecinha no Lombo”.

 

Assista a “Sol na Virilha”: https://youtu.be/RVBjF1k8XDQ 

 

Disponível em todas as plataformas de música digital e no canal do YouTube da artista, “Durex” é um lançamento do Selo Pomar.

 

Assista ao clipe “Durex”: https://youtu.be/8WHpHTriyj0

 

Ouça “Durex”: https://pomar.fanlink.to/DurexLauraPetit

 

Ficha técnica

 

Composição: Laura Petit e Janluska

Produção: Janluska

Coprodução: Eduardo Rozeira

Violão, baixo e guitarras: Eduardo Rozeira

Piano, Synths, beat, baixo, samples: Janluska

Mix: Guigo Berger

Assist. Mix e Edição: Dani Mariano

Master: Pedro Soares

Selo Pomar

 

 

 

 

 

Com informações: Nathália Pandeló Corrêa –  Build Up Media – http://www.buildupmedia.com.br