LAUREN AUDER LANÇA O EP “5 SONGS FOR THE DYSPHORIC”

Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/5SongsForTheDysphoricPR .

 

Em seu primeiro trabalho desde que se assumiu trans, sua musicalidade é apresentada através de uma vertente eclética de colaboradores na criação de seu material mais ambicioso e absorvente até hoje. O novo EP é disfórico e incorpora um som cinético que é muito mais fluido do que seu trabalho anterior, mas não menos imersivo e grandioso. Como Auder revela: “O EP não apenas reflete o profundo autodomínio que senti desde que me assumi, mas também fala para um maior senso de ousadia no cerne de minha arte”. No último dia 2, Lauren surpreendeu os fãs e disponibilizou o single “heathen”, que integra o novo trabalho.

 

“Um talento real para criar músicas que caminham entre o ilimitado e o íntimo…” – The FADER

 

“Lauren Auder tem construído um mundo pop próprio… uma vasta paisagem com camadas orquestrais e pianos suaves, cortados pelos versos delicados e lentos de Auder.” – Consequence of Sound

 

O aguardado EP de Lauren Auder, 5 Songs for the Dysphoric está disponível via True Panther e Harvest Records. Baixe/stream 5 Songs for the Dysphoric AQUI.

 

O aclamado single de artista “Heathen”   foi recentemente incluído na playlist “Best New Music” e Paste o escolheu como umas das “10 Best New Songs (10 Melhores Novas Músicas)”, descrevendo a faixa como “Totalmente hipnotizante, misturando sons dark pop dance e noise-rock, apenas com os vocais profundos barítono de Auder para guiar-lhe através da névoa.” Ao se referir a faixa como “a minha música favorita que eu já trabalhei,” Auder explica que “Heathen” é sobre “ansiar por um teste antes da vida propriamente dita. Aprender a aceitar que tudo o que temos é um abrigo de 9 meses antes de você estar totalmente no mundo.”

 

Seu primeiro trabalho desde que se assumiu publicamente como trans,  5 Songs for the Dysphoric encontra Auder se abrindo sobre seu processo artístico e unindo suas forças com os produtores/escritores Danny L Harle (Charli XCX, Clairo), Tobias Jesso Jr (HAIM, King Princess), e Clams Casino (Vince Staples, Lil B). “Eu acho que parte da razão dos dois últimos EPs serem criados de forma tão insular foi que eu precisava me descobrir e chegar em um ponto em que eu estava confiante na minha própria voz,” diz Auder sobre Who Carry’s You de 2018 e two caves in de 2020. “No momento em que eu fiz esse EP, eu me senti confortável o suficiente para deixar entrar algumas influências externas, sem medo de que não soasse mais como eu.”

 

Muito provavelmente um de seus materiais mais incríveis até hoje,  5 Songs for the Dysphoric incorpora um som cinético que é muito mais fluido do que o trabalho anterior de Auder, mas não menos imersivo e grandioso. Ao lado de “Heathen,” o EP possui os singles “Quiet” (apelidada pela Idolator como uma “canção de amor enganosamente majestosa”) e “Animal” (elogiado por Clash como “severo e intransigente”). Além disso, 5 Songs for the Dysphoric inclui “Unseen” feat. Celeste, um dueto entre Auder e a cantora/compositora britânica. Abaixo o tracklisting completo do EP.

 

Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/HeathenPR .

 

Track listing 5 Songs for the Dysphoric de Lauren Auder:

 

1.      Animal
2.      Heathen
3.      Quiet
4.      Small Ghosts
5.      Unseen Ft. Celeste

 

Sobre Lauren Auder

 

Originalmente de Albi (cidade no Sudoeste da França), Lauren Auder cria uma música pop emocionalmente potente e transportadora inspirada em tudo, desde hip-hop a pós-rock e ao clássico. Com um som semelhante ao de Scott Walker cantando canções de Lorde, a estética distinta de Auder foi percebida pela primeira vez em seu EP de estreia de 2018 elogiado pela crítica, Who Carry’s You. Lançado em Março de 2020, seu segundo EP two caves in trouxe os muito adorados singles “june 14th”“meek”, duas faixas centradas no intrincado lirismo e vocais hipnotizantes de Auder. A experiência ao vivo de Auder inclui turnês internacionais com Christine and the Queens e Amen Dunes, Auder também marcou sua presença no mundo da moda, trabalhando para Gucci e fez parte da coleção de estreia de Hedi Slimane para Celine em 2018.

 

 

Website  / Instagram  Twitter 

 

 

 

 

Com informações: www.universalmusic.com.br –  Universal Music Brasil  / Catto Comunicação