Paola Kirst lança “Vertigem”, seu primeiro álbum visual

A videoperformance da cantora, compositora e performer gaúcha faz parte do projeto Mistura Fina, do Theatro São Pedro

 

Lançado nesta quinta (05/03), o primeiro álbum visual de Paola Kirst, intitulado Vertigem.

 

O trabalho apresenta outra faceta da cantora, com novas composições e algumas releituras, além de experimentações com  sonoridades que misturam elementos orgânicos com eletrônicos. O álbum está disponível no YouTube e nas plataformas de streaming de áudio.

 

Assista aqui o álbum visual : https://www.youtube.com/watch?v=T2s-ucckz1Q

 

Sentimentos de fúria e impotência serviram como a mola propulsora responsável por levar Paola até “Vertigem”, álbum visual que traz a estranheza como potência artística. Sem fazer apresentações públicas desde a deflagração da pandemia, a performance audiovisual resulta de uma “investigação estética que evidencia nossas fragilidades”. Paola explica que o trabalho foi a oportunidade encontrada para “unir todas essas expressões artísticas e ainda incentivar a potência criativa do coletivo da Pedra Redonda”. São referências para “Vertigem” o vídeo-álbum “Petróleo”, de Paula Mirhan, o álbum “Open Your Mouth”, de Maria João e OGRE Electric, e o filme “Rabbits”, de David Lynch.

 

A cantora natural de Rio Grande (RS) e radicada em Porto Alegre apresenta no álbum visual composições próprias e feitas parcerias, além de interpretar criações de artistas como Alessandra Leão e Arthur de Faria (“Passada”) e da banda As Longas Viagens (“A Outra Cabeça (Que Ódio)”). Paola também explora o improviso vocal e sugere outras possibilidades sonoras com o uso dos pedais de efeitos, com loopings e distorções. Ainda tratando das experimentações, é a primeira vez que Paola utiliza o instrumento bombo leguero, tambor tradicional da cultura Argentina, combinando sua organicidade com o uso dos pedais, da guitarra e do piano como instrumentos de acompanhamento, tocados por Lorenzo Flach.

 

Paola Kirst conta que concebeu as performances de “Vertigem” em parceria com o artista Mau.Criado e com o duo 229 visuais. Desde o início, o trabalho foi pensado como vídeo: “Criamos personagens vivendo em isolamento, cada um com suas características e desenvolvendo ações cênicas que dialogassem com as músicas – ou nem tanto, justamente para causar algum tipo de estranheza”, conta Paola. O interesse pelas artes cênicas é antigo na vida da cantora, que bebe destas fontes desde cedo, além de ter formação em Artes Visuais pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG).

 

Seu último lançamento foi “Costuras Ao Vivo” (2020), espetáculo acessível em Libras financiado pelo FAC Digital RS, no qual reproduz as canções de seu disco de estreia, “Costuras que me bordam marcas na pele” (2018, Escápula Records). Com seu primeiro disco, Paola venceu a categoria Revelação no Prêmio Açorianos.

 

Em 2021, ela pretende aprofundar seus experimentos e posteriormente lançar um single em parceria com o músico Pablo Lanzoni, além de ter cantado em algumas músicas que estarão presentes no primeiro álbum de Carlos Medeiros.

 

Lançamento do álbum visual “Vertigem”, de Paola Kirst: 

 

Ouça nas plataformas digitais de streaming: https://open.spotify.com/album/3OpiDCEc0qkQDRpxJPQYFk?si=9agn-WziRMqw7Zngasd1ww

 

Assista aqui o álbum visual : https://www.youtube.com/watch?v=T2s-ucckz1Q

 

Facebook do Mistura Fina – https://www.facebook.com/misturafinamusica/

 

 

PAOLA KIRST

 

Instagram: instagram.com/paolakirst

Facebook: facebook.com/paolakirstmusica

YouTube: youtube.com/paolakirst

 

FICHA TÉCNICA

 

Direção: Vinicius Angeli e Vitória Proença (229 visuais)
Direção cênica e figurino: Mau.Criado (Acervo Bruxó)
Iluminação: Thais Andrade
Produção: Paola Kirst, Tamiris Duarte e Pedro Borghetti
Gravação, mixagem e masterização: Wagner Lagemann (Estúdio da Pedra Redonda)
Elenco: Tamiris Duarte, Pedro Borghetti e Mau.criado como “Quarenteners”

 

REPERTÓRIO

 

  1. A Fúria (Paola Kirst e Mihay)
  2. Epiderme (Paola Kirst e Lorenzo Flach)
  3. La Garza Fênix (Paola Kirst e Maria Paula Rodriguez) 
  4. Passada (Alessandra Leão e Arthur de Faria)
  5. Vertigem Coletiva (Paola Kirst e Mau.Criado)
  6. A Outra Cabeça (Que Ódio) (As Longas Viagens)
  7. Crendice (Paola Kirst e Dionísio Souza) 
  8. Ossada (Paola Kirst e Lorenzo Flach)

 

 

 

 

Com informações: Ola Cultural