Péricles Cavalcanti revisita o disco Canções em comemoração aos 30 anos da obra que arrancou elogios de Caetano Veloso

“É um dos discos mais puros de expressão de um artista verdadeiro que já ouvi no Brasil”, avaliou Caetano Veloso, em 1991, sobre Canções, estreia fonográfica do cantor, compositor e instrumentista Péricles Cavalcanti. Agora, 30 anos depois do lançamento que rendeu ao artista carioca o prêmio daquele ano de melhor compositor pela APCA (Associação Paulista de Críticos Teatrais), o álbum ganha novos rumos criativos em um show que celebra as três décadas da obra. Dando uma nova roupagem ao repertório, Péricles subiu ao palco preparado no Estúdio Loop para gravar um show e versões surpresas de algumas de suas músicas mais marcantes, como “Príncipe das Marés”, “Eu Queria Ser Cássia Eller”, “Blues”, entre outras.

 

A apresentação será exibida todos os sábados de março e abril, às 18h, no canal oficial do cantor no YouTube (assista aqui), sempre revelando um novo desfecho para o setlist.

 

“Retomar um repertório selecionado há trinta anos, pensado pra ser marcante pro meu álbum de estreia, é algo cheio de significados pra mim”, conta o artista sobre as músicas que carregam influências de samba, bossa nova, blues e música cubana. “Vamos dar novas camadas e ideias para esse repertório. É também mais uma oportunidade de homenagear minha querida amiga Susana Moraes”, declara, destrinchando mais um dos significados que a apresentação carrega na imagem da cineasta, responsável pela direção do filme Mil e Uma (1996), com trilha-sonora escrita por Péricles, e por ter apresentado o disco à gravadora que o lançou há trinta anos, a extinta PolyGram.

 

Nessa jornada para revisitar Canções, o compositor, que já teve músicas gravadas por Gal Costa, Adriana Calcanhotto e Gilberto Gil, ainda conta com músicos parceiros em lançamentos mais recentes: Cláudio Faria (trompete), Marcelo Monteiro (sax e flautas) e Pipo Pegoraro (teclado, guitarra, baixo e MPC). Inclusive, faixas dos discos Blues 55 (2004), O Rei da Cultura (2007) e FREVOX (2013) também estão incluídas no setlist do show.

 

Realizado pelo Ministério do Turismo, Secretaria Especial da Cultura e Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, a comemoração aos trinta anos de Canções ainda traz um cenário criado pelo arquiteto Ícaro Villaça, com inspiração na capa do disco, registrada pelo consagrado fotógrafo Bob Wolfenson.

 

Assista à comemoração dos 30 anos de Canções

 

Ouça o disco Canções

 

SERVIÇO

Péricles Cavalcanti apresenta Canções 30 anos

Horário: Às 21h

Onde: Canal oficial do cantor no YouTube

Quando: dias 13, 20, 27 de março; dias 3, 10, 17 e 24 de abril

 

Créditos foto: Diego Ciarlariello

 

 

 

 

Com informações: Assessoria de Imprensa:  Trovoa Comunicação / Lu Stabile